Deputados culpam Bolsonaro por falta de ações para chegada de vacina para COVID-19

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), considera que o posicionamento do governo de Jair Bolsonaro em relação à vacina contra a Covid-19 é o ponto mais crítico da gestão até o momento. “A demora na compra da vacina é o maior erro político de Bolsonaro. Esse é o tema que pode gerar o maior dano de imagem para o presidente. Faz voltar na memória das pessoas todos os erros do governo, desde o início da pandemia. Isso pode impactar o projeto de reeleição”, declarou em entrevista ao Estadão.

Maia também respondeu sobre os pedidos de impeachment protocolados contra Bolsonaro, e que ele não deu prosseguimento. Uma das razões foi a pandemia e a crise imposta por ela. A outra tem relação com a avaliação que ele faz do instrumento. “O impeachment é um julgamento político. Não é um julgamento jurídico. Querendo ou não, é a realidade. Ele não pode ser um instrumento para estar na gaveta e ser utilizado em cada conflito do presidente da Câmara com o presidente do governo”, disse.

Ainda em relação a Bolsonaro, Maia se queixou da interferência do presidente na eleição da Câmara. Sem poder disputar a reeleição após decisão do STF, Maia ainda não definiu seu candidato, enquanto Bolsonaro apoia Arthur Lira (PP-AL). “O resultado vai ter um simbolismo, porque ele está inferindo mais do que a presidente Dilma Rousseff quando tentou eleger o deputado Arlindo [Chinaglia, PT] contra o deputado Eduardo Cunha [em 2015]”, disse.

Fonte: Gazeta do Povo / Foto: Reprodução



Categorias:BRASIL