Prefeituras não poderão contratar até dezembro de 2021 e todos salários ficam congelados.

Os deputados confirmaram (20/08), por 316 votos a 165 e duas abstenções, o veto do presidente Jair Bolsonaro que proibiu reajustes salariais, novas contratações e progressão na carreira para servidores públicos federais, estaduais e municipais da saúde, assistência social, educação e segurança pública que estejam “diretamente envolvidos no combate a covid-19” até dezembro de 2021. Com isso, o salário dos funcionários públicos ficará congelado por um ano e meio.

Além de congelar os aumentos, o projeto também proíbe, até dezembro de 2021, a criação de cargos, reestruturação de carreiras, realização de concurso público, contratação de pessoal que não seja para reposição de cargos vagos, criação ou aumento de benefícios ou auxílios para os servidores. A medida vale para a União, Estados e municípios.

Fonte: Valor / Foto: reprodução

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑