Parque Nacional da Chapada Diamantina só irar reabrir para turismo em 2021

O turismo continua suspenso na região da Chapada Diamantina por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19). Nesta terça-feira (7), a equipe gestora do Parque Nacional da Chapada Diamantina (PNCD) divulgou nota reafirmando o fechamento do local, assim como em outros parques nacionais, e informou que a reabertura acontecerá conforme a situação da doença em cada região que as unidades estão inseridas. Para o PNCD, a expectativa é que as visitações voltem a ocorrer somente no primeiro trimestre de 2021.

Para reforçar o fechamento, membros do Instituto Chico Mendes da Biodiversidade (ICMBio) instalaram placas informativas para ampliar a divulgação sobre a suspensão da visitação das principais trilhas do parque. Todos os Parques Nacionais foram fechados no dia 22 de março de 2020.

“A reabertura de cada Parque Nacional irá ocorrer em função da situação epidemiológica da região em que está inserido e a implementação de medidas de controle sanitárias. Dito isto, esclarecemos que a visitação ao PNCD segue suspensa. Com a interiorização da covid-19 no Brasil, as autoridades sanitárias dos municípios do entorno do Parque Nacional seguem com as medidas de suspensão das aulas, não funcionamento de hotéis, bares e restaurantes, além de barreiras sanitárias”, informa texto publicado pela equipe gestora.

Ainda de acordo com as informações, diálogos foram estabelecidos entre a gestão do Parque Nacional, a Secretaria Estadual de Turismo (Setur-BA) e a Câmara Técnica de Turismo do Circuito do Diamante. “A perspectiva é que a reabertura ocorra no primeiro trimestre de 2021”, salienta a nota. Os debates sobre a retomada do turismo de forma segura acontecem desde maio com o Conselho Consultivo do Parque Nacional da Chapada Diamantina.

“Algumas ações previstas são o desenvolvimento de uma plataforma de agendamento da visitação e estabelecimento de guaritas nas trilhas com maior fluxo de visitantes. O principal objetivo é que o Parque Nacional promova ambientes seguros para a visitação, contribuindo para a reabertura gradativa do turismo na Chapada Diamantina. Continuamos contando com a colaboração do trade turístico e dos visitantes para não adentrarem o Parque Nacional e divulgarem as informações corretas sobre a suspensão da visitação”, completa o texto do ICMBio. Jornal da Chapada com texto base do ICMBio.

Foto: Reprodução

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑